Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Notas Paralelas

Um espaço para escrever sobre coisas e acontecimentos que me despertam

Notas Paralelas

Um espaço para escrever sobre coisas e acontecimentos que me despertam

25.Fev.18

Os políticos são corruptos, e daí?

A maior parte das pessoas que conheço queixa-se que os políticos são corruptos, o que a avaliar pela quantidade de casos e histórias mal contadas que vemos nas notícias é uma realidade na qual não é difícil de acreditar. Concordo que a classe política e dirigente em Portugal, que todos os dias vemos nas notícias, são uma classe um bocadinho cinzenta e na qual provavelmente não confiaria a chave de minha casa, no entanto, confesso que me é indiferente se são corruptos ou não.

As pessoas dizem que tenho que querer saber, porque é precisamente isso que eles querem, no entanto, mesmo percebendo este argumento, não quero saber, costumo dizer-lhes que se eles são corruptos, quando chegam à noite e encostam a cabeça na almofada e ficam sós com a sua consciência, eles aí são devidamente julgados.

Para mim, desde que essa classe, que aparentemente se dedica a roubar o povo, seja capaz de garantir a minha segurança e a de todas as pessoas de bem e seja capaz de criar um cenário económico em que em troca dos nossos impostos não nos chateiem e criem as condições para empreendermos em liberdade, confesso que não quero saber!

Todavia, compreendo que as pessoas protestem e exijam justiça e, torço para que essa justiça seja realmente levada a cabo, no enatanto, não quero muito saber se é ou não é mas, o meu coração está com aqueles que querem justiça. Se a justiça é feita por juízes corruptos também, aí compreendo a frustração daqueles que depositam a sua esperança na justiça, o que lhes resta? Só o não querer saber!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.